Raça, amor e falha do Muralha

Olá amigos, aqui quem vos escreve é a Dani, lembram de mim? Voltei para contar sobre a experiência de ir ao jogo do Clube de Regatas do Flamengo no Estádio Kleber Andrade, em Cariacica.

O jogo aconteceu na noite dessa Quarta-feira (30) ás 21:45hr, e já adianto que a organização do estádio foi maravilhosa, a limpeza e a prestação de serviço sempre ótimas e prontas para atender a qualquer dificuldade dos torcedores.

O acesso era fácil e todos podiam entrar facilmente em seu setor. Nos portões de entrada e de divisão dos setores, os seguranças estavam sempre auxiliando todos os torcedores e em caso de qualquer principio de tumulto, a polícia estava pronta para agir e trazer a paz novamente. (E não aconteceu nenhum tumulto, tudo correu bem).

A torcida

A torcida do Flamengo era pouco mais 8 mil pessoas e fazia um espetáculo a parte, era lindo de ver torcedores se entregando ao time, gritando e apoiando o quanto podiam. A cena mais linda que vi no estádio durante o jogo foi um torcedor cadeirante apoiando e torcendo pelo time os 90 minutos, sua alegria era contagiante.

Foi preparado um espetáculo para deixar o Kleber Andrade ainda mais bonito, participantes de torcidas organizadas distribuíram rolos de papeis para os demais torcedores para que a festa pudesse ser feita na entrada dos jogadores. Confia o vídeo desse momento de arrepiar.

A festa foi linda, apesar de terem passado um pouco de raiva em alguns momentos do jogo, mas apoio não faltou e felicidade por parte de alguns torcedores, como meu pai. Seu nome é Marcos José, tem pouco mais de 50 anos e me ensinou ser flamenguista desde criança.

Foto

Pai da Daniele com ela no jogo do Flamengo / Foto: Lucas Andriatta

Sempre fazendo de tudo para estar comigo nos jogos, ele não conteve a alegria no estádio, gravava tudo e cantava algumas músicas e nada melhor do que para uma filha mulher, ter um pai que a acompanha nos estádios né? Ainda espero conseguir leva-lo para mais jogos e ver esse sorriso sempre em seu rosto.

Essa é mais uma foto que vai para coleção daquelas especiais de futebol.

 

 

 

 

E junto com a gente, estavam meu amigo e sua mãe, que não conseguiram esconder a alegria e nem a raiva em alguns momentos… mas jogo que segue.

(Sejamos sinceros e vamos enxergar que  a partida teve seus momentos de vergonha, né?)

Foto

Da esquerda para direita Marcos José (pai), Daniele (eu mesma), Maria e Lucas Andriatta / Foto: Marcos José

Zoação na internet

Entre tantas atuações ruins durante todo o jogo, sobrou ainda mais para goleiro Alex Muralha que não estava em seu melhor dia e claro… a internet não perdoou. O goleiro virou em minutos o assunto mais comentado nas redes sociais.

Além de todas as críticas, as zoações também fizeram parte desse jogo e não partiram apenas de torcedores rivais, mas também de outros clubes.

íbis Sport Club

Time do íbis Sport Club zoa o Flamengo na rede social após derrota do time na Primeira Liga

2

Angra dos Reis EC zoa time do Flamengo após eliminação da Primeira Liga

Apesar da eliminação, o torcedor capixaba pôde voltar ao Kleber Andrade e curtir seu time do coração e sempre que algum time de fora do ES vem para cá é festa garantida, como aconteceu nos jogos dos times cariocas como Vasco da Gama, Fluminense e Botafogo.

Quero lembrar também que essa experiencia só foi possível graças a ajuda de Gabriela Valdetaro, que me cedeu os ingressos e me possibilitou, junto ao meu pai, ver nosso time do coração de perto novamente.

Vou ficando por aqui, até logo amigos.

Este slideshow necessita de JavaScript.