Ler, assistir a um bom filme ou série, mesmo que seja no conforto de casa, jogado no sofá e tomando uma Coca Cola bem gelada (ou quem sabe um suco, não é, Emília?), são atividades capazes de trazer um conforto imenso. Na verdade, na correria do dia a dia a gente espera ansiosamente por estes momentos. Tudo isso pode ser ainda melhor e mais enriquecedor quando levamos em consideração dicas de quem admiramos.

Somos seus fãs!

E com esta intenção é que a Coluna “Quem Indica” traz sugestões de Emília Manente, Professora de Técnicas de Apuração, Entrevista e Pesquisa e também de Redação Jornalística. Culta como poucos, é também mestre em Comunicação e Semiótica pela PUC São Paulo. Com este currículo e com toda a bagagem que ela leva à sala de aula, estamos ávidos para ouvir suas recomendações!

Livro

capa do livro um defeito de cor
Livro com quase mil páginas trata da escravidão

Como grande leitora que é, Emília não consegue indicar uma obra só. “Você sabe que nunca um só vale à pena. Tenho várias indicações de um monte de coisa. Livros eu acabei de ler dois que eu recomendo muito”.

O primeiro livro indicado foi: A Elite do Atraso: da escravidão à Lava Jato, do Jessé de Souza, que trata do Brasil atual e dos esquemas de corrupção e da atuação dos veículos diante desse contexto, temática que deve ser de domínio de um jornalista. Já o segundo foi o “Um defeito de cor”, da Ana Maria Gonçalves, que aborda a escravidão de forma bastante densa.

A docente acrescenta que não deixaria de lado a principal escritora brasileira do gênero do jornalismo literário, Eliane Brum. “Entre seus livros mais conhecidos estão O olho da rua e A vida que ninguém vê. Mas eu destaco um bem pequenininho que me impactou sobremaneira, que se chama Meus desacontecimentos: a história da minha vida com as palavras. Recomendo muitíssimo”, que tal dar uma lida durante o recesso?

Filme

“Eu sinto preguiça de ir ao cinema, para falar a verdade. Vitorinha só tem cinema em Shopping e eu tenho um ranço de Shopping danado, só vou em caso de última necessidade, eu prefiro ver um pouco de Net Now, Netflix e tal”. Emilinha, você nos representa!

Elenco de "Spotlight - Segredos Revelados" recebe o prêmio de melhor filme
Elenco de Spotlight

Agora imaginem o tapete vermelho: Seguem as indicações. Uma recomendação eterna para a professora de Jornalismo é o longa Spotlight: Segredos Revelados, vencedor de dois Oscars em 2016. E para a nossa surpresa (e alívio), Emília confessa gostar de filme “boboca”, desde que a faça sorrir ou chorar. “Não gosto muito de filme cabeça como filme francês não”. E outra sugestão que ela dá é do filme “A última canção”. Por último, também recomenda o Jogo do Dinheiro.

Série

Capa de Scandal
Scandal é uma série de cunho político

Em termos de séries, a Jornalista abre o coração. Confessa que de vez em quando abandona algumas no meio do caminho, mas que é fã de Scandal. “Eu sou meio maníaca, gosto muito de assistir, embora eu não tenha muita paciência para assistir todas as temporadas“, acrescentou. Ela ainda indica uma produção catalã chamada Merlí, que trata de Filosofia, Homeland e House of Cards, que acaba gerando lamentos pela estreia da última temporada.

Revista

Em termos de revistas, Emília comenta que as que mais gostava de comprar nas bancas agora resistem apenas de forma digital: elas são a TPM e a Brasileiros. “De vez em quando eu comprava a Caros Amigos e compro a Cult, dependendo do que tem na capa”.

revista caros amigos coloca lula na capa
Uma das últimas capas da extinta Caros Amigos, ainda em 2017

Dicas para a profissão

professora e aluno
Emília com o ex aluno Flávio Carvalho, hoje repórter em A Tribuna

A professora não hesita quando o assunto é a carreira. Na visão dela, a leitura é mesmo imprescindível para quem deseja se tornar um bom jornalista. “Ler, ler, ler e ler. Leiam até bula de remédio. A gente só consegue vocabulário para fazer um bom texto lendo. E lendo de tudo, sem preconceito algum”. Temos aqui mais um bom motivo para correr para a biblioteca e garantir a diversão das férias, não é mesmo?

Profissionais de referência

Tem dois profissionais de referência no Jornalismo que eu sou fã, gosto muito de ler o que eles escrevem, acompanho a carreira. Um tem mais de 80 anos e mais de 60 de profissão, José Hamilton Ribeiro. E o outro que eu sou fã é o Ricardo Kotscho, que escreveu, dentre outros, Do golpe ao Planalto“.

foto de jornalista
O autor Ricardo Kotscho

Inspiração para a minha disciplina

Emília se derrete quando toca no ponto de sua maior inspiração como professora. Ela revelou que nada pode ser melhor do que encontrar um aluno comprometido, definido por ela como aquele que vai além das expectativas de sala de aula. “Acho que esse aluno é uma inspiração sempre. E eu, graças a Deus, tenho encontrado vários nas minhas aulas. Isso faz a gente seguir em frente”, declarou quase emocionada.

Momento histórico marcante

manifestantes pedem o fim da ditadura militar e o voto direto
Movimento pelas Diretas Já

No que toca aos momentos da história que marcaram a docente, ela também não consegue fazer referência a um só. Quem lê, tem repertório, não é mesmo? Desse modo, ela traz o fim da ditadura militar no Brasil e a primeira eleição para presidente após o fim do regime totalitário.

Para você o fim da ditadura militar é história, mas para mim é vivência. Particularmente o processo da ditadura militar, da campanha das Diretas Já, que foi assim um momento super fundamental para a história do Brasil“, completou Emília.

 

 

 

Posted by:Isabella Arruda

Estudante de Jornalismo depois de ter largado a carreira como advogada, encontrou no Faesa Digital seu novo ambiente de trabalho e oportunidade de aprimoramento técnico da escrita e da habilidade no meio digital. Apaixonada por gastronomia, desenvolve o instablog @hiperglicemiaoficial. Ama também fotografar, cantar, viajar e escrever!

Uma resposta para “Emília Manente indica

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s