Cuidado com o que postar nas redes sociais!

Antes de publicar algo na internet pense se isso é realmente importante de ser postado, se a informação é verdadeira e se todas as pessoas que tiverem acesso à sua rede social devem saber disso.

Isso não é importante apenas para a sua segurança, que digamos já é um ótimo motivo para tomar cuidado, mas também para a sua vida profissional, pois o bom uso das redes sociais pode potencializar a sua carreira.

E como saber esse limite entre o pessoal e o profissional? Simples, basta levar em conta o que é recomendado para ser valorizado e dar foco no que é positivo. Assim você evita exposições desnecessárias. Saber como utilizar as redes sociais com segurança fará com que você tenha um perfil mais empreendedor e poderá ser um ponto a seu favor em uma futura entrevista de emprego.

Aqui vai algumas dicas para ficar de olho!

1 – Cuidado com o que posta de você mesmo

giphy13

Algumas pessoas se expõem demais nas redes sociais. Se o seu perfil é pessoal, é claro que você pode postar informações a seu respeito, mas isso deve ser feito com cautela. Postar fotos de sua casa, seus pertences, viagens, falar o que está fazendo no exato momento e fazer o uso do localizador pode ser perigoso pois há pessoas com intenções ruins na internet. Por exemplo, evite postar foto do seu carro na qual apareça o número da placa dele, quando você menos esperar podem aparecer outros carros rodando com o número dela por aí.

2 – Não arranje treta por aí!

giphy14

Todos nós temos diferentes opiniões sobre os mais variados assuntos, inclusive temas polêmicos (a política está aí para comprovar isso), e está tudo bem falar sobre isso. O problema é quando você só posta isso para dar confusão, treta e um bafafá danado nas redes sociais! Por isso pesquise sempre antes de postar qualquer coisa.

É claro que defender opiniões é importante, mas devemos fazer isso sem agredir ou ofender o outro, e o segredo para isso é saber falar, mas também saber ouvir. Partir para a agressão quando estiver defendendo o seu pensamento e entrar em conflito não resulta em algo positivo. Ainda mais quando você acredita que “está certo, sempre”, quanto mais você tem essa ideia na cabeça, menos relações você pode ter e mais pessoas você pode chegar a ofender.

Tenha em mente que é possível sim criar um diálogo objetivo, sem perder o limite entre o respeito e a ofensa.

3 – Olha a fofoca!

Às vezes, dá vontade de falar pra todo mundo o que você pensa sobre alguém, mas este é um grande perigo, pois a pessoa pode inverter a situação até mesmo usando a sua postagem como prova de injuria ou difamação!

De acordo com o art.140 do código penal brasileiro, a injúria é quando você fala, algo que fere a honra e a dignidade de alguém, por exemplo, chamando uma pessoa de vigarista. A pena é uma detenção de três meses a um ano e multa.

Se o comentário ofensivo que você fez tiver alguma ligação com a raça, cor, etnia, religião, origem ou a condição de pessoa idosa ou portadora de deficiência, a pena é aumentada para reclusão de um a três anos e multa.

Difamação

Já a difamação, localizada no art.139, acontece quando há um fato ofensivo a reputação de outrem na sua fala. Embora o fato não seja um crime, como, por exemplo, o caso da atriz Caroline Dieckmann que teve fotos íntimas divulgadas na internet, isso afetou a sua honra e sua vida profissional.

Ela prestou queixa na Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática no Rio de Janeiro, e ainda disse em seu depoimento que recebeu chantagem da pessoa que postou as fotos. Foi bem sério.

Calúnia

A Calúnia está presente no artigo 138 e acontece quando alguém conta alguma mentira criminosa sobre você, como quando espalham na rede social que você roubou a própria amiga para comprar um lanche. Sendo que isso não é verdade.

giphy15

Conselho Nacional de Justiça (CNJ) fez um post nas redes sociais avisando desse detalhe para a galera ficar atenta.

4 – Clicar em todo anúncio ou Link que aparecer

giphy16

Apesar de muitas pessoas conhecidas (no grupo da família, principalmente), sugerirem para que você clique em certos links, não acredite em tudo o que você lê. E auto avalie se aquilo é verdadeiro ou não.

Várias informações que são compartilhadas, principalmente as correntes, contêm links maliciosos que são capazes de introduzir vírus em seu celular/computador ou até mesmo roubar senhas e se apoderarem de seu perfil ou contas bancárias.

Corrente-falsa-no-WhatsApp-promete-recuperar-fotos-do-Orkut-e-postar-no-Facebook-2.jpg
exemplo de corrente

Lembre-se de clicar apenas em links de sites confiáveis e mantenha sempre o antivírus atualizado e rodando em seu computador. E chame atenção dos seus familiares sobre este assunto, na maioria das vezes eles estão sendo enganados e compartilham por preocupação. Envie o link desta matéria para eles se informarem 🙂 (nunca te pedi nada)

5 – Escrever errado ou frases cheio de palavrões

giphy17

Mesmo para um perfil pessoal, erros de português muito gritantes são considerados ruins. Pois normalmente demonstra pouco conhecimento ou até mesmo preguiça.

O uso de palavras de baixo calão também é ruim, pois demonstram que você é um a pessoa ofensiva ou explosiva e empresas respeitadas não querem alguém assim dentro do seu quadro de profissionais.

Na hora de escrever qualquer coisa, escolha palavras de fácil compreensão e pesquise sempre que tiver alguma dúvida. Hoje em dia é fácil encontrar ótimos dicionários online que podem auxiliar nessa missão.

Um site muito legal é o Sinônimos, ele é online e te ajuda a encontrar outras palavras para não ficar repetitivo no seu texto.

Um dicionário muito bom também é o Aurélio, que todo mundo já conhece mas que poucos fazem uso. Vale a pena ter um na sua mesa para pocar nos textos.

Existe também um aplicativo chamado Dicio, ele funciona online e offline, está disponível para Android e oferece a Palavra do Dia, que apresenta um novo vocábulo todos os dias; Palavras Aleatórias, para descobrir novas palavras a qualquer momento; vídeos explicando dúvidas de Português; busca por voz, entre outras ferramentas.

E se o seu texto for importante, releia o que você produziu e envie para que outra pessoa possa ler. Um olhar diferente é sempre bom para perceber possíveis desvios que podem passar despercebidos por nós. 

6 – Fotos com a família e/ou amigos

Todos querem postar momentos familiares, mas publicar fotos com muitas informações, como nome, local, datas, eventos e local de trabalho é expor demais a segurança. Qualquer pessoa com acesso a essas informações pode ir além de só curtir, mas também copiar as imagens e usá-las indevidamente. Um vídeo produzido pelo Governo Paraguaio faz um alerta sobre as informações que compartilhamos nas redes sociais. Ele é de 2004, mas a proposta é bem atual

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: