Nathália Ferreira

Uma pergunta comum no cotidiano das pessoas é: “que roupa vou usar?”. Contudo já pararam para se perguntar de onde vem as minhas roupas? Com o intuito de renovar a indústria da moda, surge o Fashion Revolution. Uma semana voltada para revisar conceitos de sustentabilidade, valorização dos autores das peças e transparência no mundo da moda.

Roupas sustentáveis em exposição no evento Fashion Revolution (Foto: Brendha Zamprognio / Lacos – Núcleo de Jornalismo)

Com o lema #Quemfezminhasroupas, na semana Fashion Revolution são realizadas ações, rodas de conversa, workshops, exposições e desfiles para promover mudanças nos consumidores, empresas e profissionais da moda. Todas as ações tem o objetivo de gerar uma conscientização para o público.

O Fashion Revolution propõe que você tenha mais afinidade com a sua roupa, afim de tornar a moda mais próxima do consumidor comprando a peça de uma forma mais consciente. Conscientizando a população, conseguimos melhorar um pouco a indústria da moda que é uma das que mais polui o planeta e explora o ser humano

Luiza Postay
Bate-papo entre Mylena Uhlig e Lorena Mantovanelli sobre inovação têxtil e design sustentável (Foto: Brendha Zamprognio / Lacos – Núcleo de Jornalismo)

O movimento surgiu a partir de uma sensibilização de pessoas com o desabamento do edifício Rana Plaza em Blangadesh que aconteceu no dia 24 de abril de 2013 revelando um lado obscuro da moda. No local existia uma indústria de confecções de diversas marcas globais e as vítimas trabalhavam em situações semelhantes à escravidão. O prédio já estava em situação degradante e a tragédia causou a morte de 1.134 trabalhadores e deixou mais de 2.500 feridos.

Marcas de roupas famosas estavam envolvidas nesse acidente. Marcas que muitas pessoas vestem sem saber as condições de quem fez as peças

Luiza Postay
Roupas sustentáveis em exposição no evento Fashion Revolution (Foto: Brendha Zamprognio / Lacos – Núcleo de Jornalismo)

O Fashion Revolution atua há seis anos, acontece em diversos países no mundo e é 100% voluntário. Sendo que, o movimento ocorreu em mais de 50 cidades do Norte ao Sul do país.

uruguay revolution GIF by Zarvich

Semana Fashion Revolution

Durante a semana de 22 a 27 de abril ocorreu a semana Fashion Revolution 2019 no mundo todo, inclusive em terras capixabas. Com eventos intercalados entre Vitória e Vila Velha aconteceram debates, exposições, bate-papos, oficinas, rodas de conversas, consultorias e muito mais, gerando informação e conhecimento para o público.

Posted by:Nathália Ferreira

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s