Nicolle Barbosa

A Biblioteca inaugurou uma nova sala no mês de abril: a Biblioteca Lab. Um espaço humanizado e diferenciado que tem por objetivo dinamizar as aulas e inovar as formas de construção do conhecimento dos alunos e dos professores a partir do modelo da “Aula FAESA”.

Biblioteca Lab: espaço humanizado e diferenciado para a troca de saberes entre alunos e professores

A ideia do projeto nasceu quando a supervisora das bibliotecas FAESA Centro Universitário, Alessandra Patuzzo, 39 anos, enxergou nas grandes mudanças de métodos de ensino uma oportunidade para inovar ainda mais a forma de estudo dos alunos, saindo do ambiente virtual de aprendizagem e praticando uma movimentação mais “maker”. A expressão é uma extensão do “faça você mesmo”, se apropriando de ferramentas tecnológicas para construir e produzir projetos por meio de conhecimentos já adquiridos.  O nome procedeu do conceito de inovação e a definição de laboratório está bem próximo da proposta de uso do espaço.

“A biblioteca é muito além dos livros. E isso precisa ser trabalhada dentro das Instituições de Ensino”

Alessandra Patuzzo
Alessandra Patuzzo concedendo entrevista para os alunos do FAESA Digital
(Foto: Lorenzo Savergnini / Lacos – Núcleo de Fotografia)

A intenção do novo laboratório é tornar o aluno protagonista da compreensão do próprio aprendizado, desconstruindo um estereótipo de que apenas o professor é fornecedor do conhecimento dentro da sala de aula. A estrutura foi projetada para comportar 30 pessoas, facilitar a criação de projetos e o desenvolvimento da aula.

O espaço conta com mesas de formato geométrico que se encaixam de diversas formas, pufes e almofadas para uma acomodação diferenciada, data show, quadro de vidro e quadro branco para anotações e até as cores da sala contribuem para a melhor experiência acadêmica nas questões de ensino e de aprendizagem.

Espaço da Biblioteca Lab para alunos e professores trocarem saberes (Foto: Lorenzo Savergnini / Lacos – Núcleo de Fotografia)

“Você pensa que não, mas a forma que você está sentado, a forma que você se coloca e até as cores do ambiente estimulam você a um processo criativo”


Alessandra Patuzzo
Espaço dinâmico voltado também para o bem-estar dos alunos (Foto: Lorenzo Savergnini / Lacos – Núcleo de Fotografia)

O funcionamento da Biblioteca Lab é de forma semelhante a das cabines. O agendamento é feito pelo professor ou por um grupo de alunos na recepção da Biblioteca. As informações iniciais precisam conter o dia, o horário, a quantidade de pessoas e qual a proposta de utilização da sala.

Outra funcionalidade da Biblioteca Lab é a recepção de convidados de diversas áreas para palestras e rodas de conversa. A intenção é agregar conhecimento usando metodologias diferenciadas na aplicação do conteúdo.

Depoimentos

A professora do curso de Publicidade e Propaganda Carine Cardoso já utilizou a Biblioteca Lab com os alunos. Ela contou um pouco da experiência de aprendizagem no espaço.

Ele é muito bacana porque é aconchegante. O espaço comporta pouca gente e é um lugar que você não pode levar uma turma grande. O espaço é extremamente acolhedor, promoveu mais criatividade e calor humano. Os alunos não sentiram o tempo passar. Eles puderam interagir melhor dentro e fora dos grupo. Eles usaram os recursos disponíveis no espaço. Todos puderam transitar, pois a sala não tem barreiras

Carine Cardoso
Professora Carine Cardoso coordenando um workshop para os alunos do núcleo de Jornalismo e Fotografia do LACOS (Foto: Natan dos Santos Oliveira / Lacos – Núcleo de Planejamento)

O aluno do curso de Publicidade e Propaganda Eduardo Valls Pagotto, 32 anos, que cursa o 7° período, participou de uma aula da disciplina de Marketing na Biblioteca Lab. Para o aluno a experiência foi muito positiva e modificou a maneira de absorver o conteúdo passado.

Uma coisa que me chamou atenção é que todo trabalho feito fora de sala já tira aquela pressão de ‘professor e aluno’. Um local que não tenha cadeira e um quadro na frente você acaba se envolvendo mais com o professor e com a matéria. Então, isso é divertido. Você acaba tendo uma criatividade muito maior. Eu aprendi muito mais no novo espaço. A maneira que o conteúdo é ensinado tem um conceito diferente e senti que não estava naquele ambiente sala de aula.

Eduardo Valls Pagotto
Publicado por:Nicolle Barbosa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s