Isabela Wilvock

Em meio às adversidades da pandemia do coronavírus, os cursos de Jornalismo e Publicidade e Propaganda da FAESA Centro Universitário conseguiram destaque mais uma vez e são finalistas em 31 categorias no XXVII Prêmio da Exposição de Pesquisas e Produção Experimental em Comunicação (Expocom) da Região Sudeste no 43º Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação. São mais de 50 alunos envolvidos e 13 professores orientadores. Neste ano, o evento precisou se reinventar, já que os encontros serão feitos no virtual e não terão os cinco congressos regionais, mas um Encontro Inter-Regiões Intercom. Os vídeos de apresentação foram postados e, assim, as expectativas para o início dos encontros virtuais e para a premiação, que acontece no dia 16 de outubro, só aumentam.

O tema escolhido para 2020 foi “Um mundo e muitas vozes: da utopia à distopia?”. A ideia é produzir uma reflexão científica em torno da complexa rede de relações entre lados extremos. Com isso, a proposta do Intercom é convidar a comunidade científica para um debate dessa importante temática.

Confira todos os trabalhos finalistas da FAESA no Expocom:

A preparação para a Expocom começa no ano anterior com a escolha das melhores produções. O professor dos cursos de Jornalismo e Publicidade e Propaganda Victor Mazzei observa os trabalhos dos alunos de perto e faz anotações sobre aqueles que mais chamam a atenção e o encanta. “O feito dos alunos é gigante. O movimento para participar da Expocom ganha força todo ano. Em 2019, foram 24 trabalhos e neste ano são 31 finalistas. É muito investimento de tempo e de dedicação. A cada ano o empenho só cresce. É algo incrível e que proporciona muito orgulho”, declara Mazzei.

O professor Victor Mazzei reconhece que o envolvimento de alunos e professores foi espetacular (Foto: Arquivo Faesa Digital)

A aluna do 8° período de Publicidade e Propaganda Eduarda Vilella está participando pela primeira vez do Expocom e revela que é uma experiência muito diferente. Ela foi orientada pelo professor William para a categoria de Programa laboratorial de TV, com o programa “Na Garagem” que faz parte da TV FAESA. A vivência de Eduarda com o Expocom foi diferente, pois, com a pandemia, um novo formato teve que ser feito. A futura publicitária relata que as mudanças acrescentaram um sentimento estressante: “as coisas foram diferentes do que eu esperava, mas, ao final, foi recompensador”.

Eduarda Vilella é a apresentadora do programa “Na Garagem” (Foto: Arquivo Faesa Digital)

Foi uma sensação tão incrível ver a carta de aceite e saber que meu trabalho foi um dos cinco escolhidos dentro da categoria. As expectativas estão a mil por hora. Somente estar participando já é uma conquista enorme

Eduarda Vilella, aluna de Publicidade e Propaganda

Esta é a primeira vez na história que o congresso será feito de forma virtual e a decisão foi tomada pelos desafios impostos pela pandemia de covid-19 no Brasil e no mundo. Essa adversidade fez com que professores e alunos trabalhassem unidos, mas a distância. O aluno do 6° período de jornalismo Vinicius Antunes expressa que o incentivo do professor orientador foi essencial para que pudesse continuar com a produção do relatório do congresso durante esse período.

Natalia Vicente e Gabriel Barros são finalistas na Categoria “Projeto de Comunicação Integrada. Já Vinicius Antunes, camisa branca, ao lado do professor William Oliveira, é finalista na categoria “Produção em Jornalismo Literário e Opinativo” (Foto: Dayana Cortes)

A sensação de ver o nome na lista é muito boa, quase indescritível. Receber a carta de aceite foi inacreditável, mas só de ter sido selecionado já é uma honra

Vinicius Antunes, aluno de Jornalismo

O professor dos cursos de Jornalismo e Publicidade e Propaganda William Oliveira relata que a elaboração do trabalho começa no incentivo ao estudante, pois é algo que leva tempo e muita pesquisa com a parte teórica. O processo começa na sala de aula com os professores sempre de olho no que o aluno produz. “É árduo e prazeroso para todos. As horas de dedicação ao projeto são recompensadoras com a alegria de vê-lo pronto e, principalmente, ao ver o nome entre os selecionados”, declara.

Professor William Oliveira considera o processo exaustivo, mas recompensador (Foto: Arquivo Faesa Digital)

É gratificante ver o brilho nos olhos do aluno ao receber essa notícia de reconhecimento por todo trabalho duro. O novo formato virtual é diferente, mas extremamente alegre

William Oliveira, professor dos cursos de Jornalismo e Publicidade e Propaganda
Publicado por:Isabela Wilvock

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s