Alunos e professores de Jornalismo e Publicidade e Propaganda da FAESA são finalistas em 13 categorias no Expocom 2022

Karol Costa

Os professores e alunos de Jornalismo e Publicidade e Propaganda da FAESA Centro Universitário conseguiram, por mais um ano consecutivo, se destacar e são finalistas em 13 categorias no XXIX Prêmio da Exposição de Pesquisas e Produção Experimental em Comunicação (Expocom) da Região Sudeste no 45º Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação. São mais de 20 alunos envolvidos e 8 professores orientadores. Após dois anos com encontros virtuais devido a pandemia de Covid-19, o Congresso Regional Sudeste será realizado de forma presencial na Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas), em Poços de Caldas, de 26 a 28 de maio.

O tema escolhido para 2022 foi “Ciências da Comunicação contra a Desinformação”. A ideia é debater e produzir reflexões sobre o papel e o compromisso da Ciência, na Área da Comunicação, contra a desinformação que se faz presente de maneira exponencial na atualidade. Os vencedores da etapa regional garantem vaga para disputar a etapa nacional que acontecerá no período de 5 a 9 de setembro na Universidade Federal da Paraíba

Confira abaixo os trabalhos finalistas da FAESA no Expocom Sudeste:

A finalista na categoria Livro-Reportagem, Nathália Ferreira, relata estar ansiosa e com altas expectativas para o Expocom 2022. A egressa de Jornalismo não esconde a felicidade ao comentar que participar do prêmio é o sonho de todo acadêmico. “O meu trabalho é um projeto que me dediquei profundamente e mexeu comigo de diversas maneiras. Levar o meu projeto para o Expocom é levar um pedaço de mim junto. Eu estou muito feliz de chegar como finalista, mas mais feliz ainda por poder contar a história da vida de oito mulheres incríveis. Faço isso por elas, por mim e por todas as outras”, diz.

Capa do livro “Para Sempre, Elas” (Reprodução: Nathália Ferreira)

Nathália se formou em 2021 e o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) foi inscrito no Expocom. O livro-reportagem “Para sempre, Elas”, orientado pelo professor Valmir Matiazzi, conta a história de vida de oito mulheres vítimas de feminicídio. A ideia é humanizar e eternizar essas mulheres por meio de relatos de parentes e amigos.

A egressa Julia Nunes também se formou em 2021 e inscreveu o TCC, realizado em dupla com Kelvin Pereira, na categoria Produção Publicitária Audiovisual Para Internet. O trabalho foi orientado pelo professor Victor Mazzei. Nele, a dupla reformulou a identidade visual do canal do YouTube “Oficina da Gatarella” e inseriu um vídeo em animação 2D.

Julia conta ainda que a criação contribuiu para o crescimento acadêmico da dupla e para a diversificação de conhecimentos na área de comunicação, abrindo novas possibilidades de exploração de conceitos discutidos no curso de Publicidade e Propaganda.

A publicitária sente-se honrada em estar entre os finalistas da região sudeste. É muito importante ser valorizada e reconhecida pelo trabalho desenvolvido, ainda mais pelo mesmo ter sido o meu TCC. Me sinto grata em representar a FAESA nesse evento tão importante para estudantes de comunicação”, finaliza.

Vídeo Piloto Oficina da Gatarella Caixa Mágica (Reprodução: Júlia Nunes/YouTube)

Confira abaixo alguns produtos e depoimentos dos finalistas FAESA:

Alanna Oliveira, 3° período de Publicidade e Propaganda

Categoria: Charge/Caricatura/Ilustração

“É a primeira vez que irei viajar para participar de um evento tão importante. Estou muito grata pela oportunidade, mas a ansiedade e o nervosismo são inevitáveis. Ter essa oportunidade de representar nacionalmente a FAESA no início da graduação está sendo incrível. A produção foi feita em 2021, no 1° período, para a disciplina de Arte e Comunicação, com o professor Emilio Rocha. O objetivo era criar uma relação entre a obra “O grito” de Edvard Munch e fatos desesperadores da atualidade. No momento que estava ocorrendo a disciplina, aconteceram muitos ataques contra a comunidade asiática no ocidente. Devido a desinformação das pessoas sobre a Covid-19, ‘Fake News’ estavam circulando e muitas delas culpavam os asiáticos pela transmissão do vírus. Então, achei muito importante e válido retratar esses acontecimentos fazendo uma crítica ao racismo e preconceito contra pessoas de pele amarela”.

Emanuella Santana, 5° período de Publicidade e Propaganda 

Categoria: Anúncio Impresso e Spot

“Eu estou muito feliz em poder participar do Expocom. É um momento de muita ansiedade e muita alegria. Acredito que, agora, após dois anos com encontros somente online, todo mundo tá muito entusiasmado para poder se ver de novo e comemorar a vitória um do outro. Acredito que será um momento muito mágico. O Expocom abre portas e abre mentes por conta das palestras e por divulgar o que está sendo produzido em outros lugares. Isso mata uma sede de criatividade muito grande. O anúncio impresso foi desenvolvido com a orientação do professor Roger Cordeiro, pensando nas ações da ONU para o combate às desigualdades sociais. Já o spot foi elaborado com a ajuda do professor Felipe Dall’Orto para a Fundação Beneficente da Praia do Canto, pois ela estava sendo assistida pelo Projeto Integrador do 4ª período. Estamos indo com tudo! Com toda a animação de calouros do concurso e honrados em poder representar a FAESA não só na região sudeste, mas também nacionalmente. Queremos muito garantir o primeiro lugar da Região Sudeste no Expocom 2022”.

Anúncio impresso produzido em grupo. Aluna líder Bianca Machado Sesana (Reprodução: Emanuella Santana)

Natálie Pinheiro, 5° período de Publicidade e Propaganda

Categoria: Jingle

“Confesso que minhas expectativas são grandes e estou ansiosa. Mas acredito o que tiver que ser, será. O jingle foi criado para uma instituição beneficente de crianças e adolescentes em São Pedro, Vitória. O intuito da canção é retratar a pura alegria e o amor sincero de uma criança. De princípio foi feito de forma simples, com voz e violão, com o intuito de trazer a brasilidade na melodia. A alegria e a leveza que a criança naturalmente carrega. Na letra ousei em brincar com o trocadilho que pode até parecer ser o tom mais sério da canção, mas ele foi pensado para fixar na cabeça, causando um efeito inverso ao longo da música, se tornando divertido e descontraído. A letra e a melodia foram feitas para andarem juntas e para uma conversar com a outra. Acredito que ser finalista do Expocom pode abrir muitas portas para mim. O meu currículo ganhará mais peso e credibilidade”.

Edição: Karol Costa

Imagem Destaque: Portal Intercom

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s